O que fazer em Barcelona – tudo para o seu roteiro!

Capital da região da Catalunha, Barcelona tem um estilo único, principalmente por causa de arquitetos que levaram o modernismo ao extremo. Ao mesmo tempo, os pintores Picasso e Miró também influenciaram bastante a cidade, que é rica em artes, arquitetura, design e gastronomia. Com mais de cinco milhões e meio de habitante, a história da região onde está Barcelona é datada de 2500 a.C

Barcelona é daqueles destinos que você visita e, por mais tempo que fique na cidade, vai embora querendo mais. Eu amei e super recomendo!

o que fazer em Barcelona - tudo para o seu roteiro!

Informações úteis sobre Barcelona

Documentação necessária para entrar na Espanha

Assim como todo país que faz parte do Tratado de Schengen, o turista brasileiro não necessita de visto para entrar e permanecer na Espanha durante 90 dias. O visto é concedido no aeroporto. Contudo, é preciso ter passaporte válido com, no mínimo, seis meses de validade. Além disso, é preciso comprovar o objetivo da viagem e meios econômicos para se sustentar durante sua estadia. Na Espanha, a quantia mínima a ser comprovada é de €90 por dia.

A contratação de Seguro Viagem para a Espanha, bem como para todos os países do Tratado de Schengen, é obrigatória – Contrate aqui com desconto!

Idioma: espanhol e o catalão

Moeda: EURO (€)

Fuso horário: UTC+1 (4h+ do que Brasília) ou +2 durante o horário de verão espanhol.

Tomada: plugue de dois pinos, semelhante ao do Brasil, sendo de 230V.

Melhor época para viajar

Barcelona tem um clima mediterrâneo, caracterizado pelo verão seco e quente e o inverno úmido e ameno. Janeiro é o mês mais frio, apesar de fazer 17°C durante o dia, a noite a temperatura varia 4°C a 10°C. Com a chegada da primavera, em março, a cidade fica mais florida e o clima começa a ficar mais quente. Contudo, a temperatura varia de 10°C a 26°C.

No verão, que é alta temporada, os dias são mais longos, pois o sol aparece por volta das 7h e se põe às 21h. De junho a julho, a temperatura fica em torno de 27°C. Em agosto, o mês mais quente, chega a 30°C. Em setembro o clima muda, começa a chover mais e as temperaturas oscilam entre 8ºC e 13ºC com a aproximação do outono.

A primavera e início do outono são boas épocas para ir à Barcelona, principalmente se você não quer passar muito frio ou muito calor. Além disso, são estações de baixa temporada tornando a viagem mais econômica e tranquila. Em dezembro e janeiro, que são meses mais festivos do inverno, a cidade costuma ficar mais lotada também, principalmente por conta das férias dos europeus.

Imperdível em Barcelona

Opções do que fazer em Barcelona não faltam, principalmente para os amantes de arte, arquitetura e história. A cidade tem vários museus e obras modernistas que lhe fizeram única em toda a Europa.

La Sagrada Familia (Sagrada Família)

Incrível seria pouco para descrever esse templo católico, que é considerado por muitos como a expressão máxima do modernismo. Sua construção iniciou em 1882, sendo assumida em 1883 pelo arquiteto Antoni Gaudí. Contudo, está prevista para terminar apenas em 2026. O exterior do templo impressiona pela riqueza dos detalhes e o interior por suas colunas e vitrais.

É uma atração bastante procurada, precisa agendar horário e se programar com antecedência.

Parque Güell

Inaugurado em 1922 é uma das principais atrações turísticas da cidade. Em 1984, foi declarado Patrimônio da Humanidade pela UNESCO.

A idéia original de sua construção era um conjunto residencial de luxo, porém com o tempo a proposta foi abandonada e deu espaço para um parque maravilhoso, digno de um cenário de contos de fadas. Queria morar lá dentro rs. Lindo demais!

Catedral de Barcelona

A catedral de Santa Cruz e Santa Eulália, conhecida apenas como Catedral de Barcelona, é uma obra gótica catalã, construída entre os séculos XIII e XV sobre uma antiga catedral românica. A igreja tem 90m de comprimento e 40m de largura. Embaixo do altar está a cripta de Santa Eulália. A entrada é gratuita, entretanto para visitar o coro ou terraço é cobrado o valor de 3€ cada.

Mosteiro de Pedralbes

Para conhecer a fundo o estilo gótico, bem como o estilo de vida monástico, vale visitar o Mosteiro de Pedralbes, construído em 1327. Ademais, a construção é um dos símbolos da Idade Média. Ele foi fundado a partir do desejo da rainha Elisenda de Montcada para abrigar as monjas da Ordem de Santa Clara e passou por diversas reformas ao longo de sete séculos de existência. Em 1983 ele foi aberto ao público. A entrada custa €5.

O que fazer em Barcelona: visitar alguns museus

Museu Nacional d’Art de Catalunya

O Museu Nacional d’Art de Catalunya é um dos mais famosos de Barcelona e é expressor máximo da arte catalã. Ele funciona no Palau Nacional (Palácio Nacional), construído para sediar a Exposição Universal, que aconteceu em 1929.

O que fazer em Barcelona: visitar alguns museus

Museu Picasso

Com uma coleção de mais de 3500 obras, o museu é totalmente dedicado ao artista espanhol Pablo Ruiz Picasso. Várias obras mostram a relação do artista com Barcelona, que começou ainda em sua juventude. O Museu Picasso está instalado na Carrer de Montcada, um conjunto de casas antigas. O ingresso custa €12. Contudo, às quintas-feiras, das 18h às 21h30, ela é gratuita.

Palau de la Música Catalana (Palácio da Música Catalã)

É uma casa de concertos em estilo Art Nouveau catalão que foi palco de diversas apresentações em Barcelona, inclusive de flamenco. Durante o tour guiado, o público conhece um pouco da história do local, que foi construído entre 1905 e 1908 pelo arquiteto Lluís Domènech i Montaner.

Atividades ao ar livre para fazer em Barcelona

Passear por Passeig de Gràcia

Localizada em Eixample, Passeig de Gràcia não é só uma das avenidas mais famosas de Barcelona, como também uma das áreas comerciais mais importantes da cidade, com várias lojas de grife. É também um ótimo lugar para bater perna e, principalmente, ver outras obras de Gaudí pela cidade, como a Casa Batlló e a Casa Milà, conhecida como La Pedrera.

Quando fui a primeira estava em reforma e só entrei na Casa Milà, realmente impressionante. Gaudí era um gênio, impossível não amar!

La Rambla

Repleta de estabelecimentos comerciais, artistas de rua e restaurantes, La Rambla é uma via turística que vai da Plaza Catalunya até o Porto. Durante o caminho, você passa pela Iglésia de Betlem com sua arquitetura barroca; pelo Centro Cultural Palace Virreina, construído há mais de trezentos anos; pelo La Boqueria, um histórico mercado de 1217; entre outros locais interessantes. Aproveite para experimentar a Bomba de la Barceloneta, prato típico composto por uma bola de batata recheada com carne moída e coberta com molho apimentado.

Parc de La Ciutadella

O Parc de La Ciutadella, construído em uma antiga fortaleza da cidade para a Exposição Universal de 1888,  é uma das opções de lugares de área verde para conhecer em Barcelona. O Parque público conta com monumentos, jardins, um lago, bem como com o Castelo dos Três Dragões, onde funciona o Museu de Zoologia. O Zoológico de Barcelona também está localizado no Parc de La Ciutadella.

Conhecer algumas das várias praias do litoral

Se você viaja para Barcelona no verão, aproveite para conhecer algumas das praias da cidade, que só se abriu para o mar em 1992 para as Olimpíadas. Até então o litoral era tomado por indústrias. Hoje todas as praias são limpas e suas águas transparentes, além de contar com infraestrutura esportiva e de segurança. Sant Sebastià, Barceloneta (a mais próxima do centro), Somorrostro, Sant Miquel, Nova icària, Bogatell e Mar Bella são algumas das praias de Barcelona, mais urbanas e movimentadas.

Caso procure por praias mais paradisíacas te recomendo ir para a região da Costa Brava. É possível ir de trem, mas acredito que indo de carro você aproveitará mais.

Onde ficar em Barcelona

O Eixample é uma região mais central, dividida em cinco bairros, que conta com boas ofertas de hotéis e restaurantes. Além disso, é nela que fica a Plaza da Catalunya, o Passeig de Gràcia, com as várias obras modernistas, e a Catedral La Sagrada Familia. É uma ótima opção para quem prefere ficar perto do transporte público.

Booking.com

Vila de Gràcia é um bairro mais residencial, ideal para quem quer economizar, uma vez que possível encontrar diárias por menos de €100. É um local mais alternativo, com muitos hostels e vida noturna é bem agitada. Todavia é mais afastada da região central de Barcelona.

Born é uma pequena região com uma vibe jovem, cheia de hotéis-boutique e restaurantes. É um bom lugar para se hospedar se você gosta de caminhar por ruas medievais e descobrir lojinhas diferentes. O Museu Picasso e o Palau de La Música estão no Born.

Por outro lado, o Bairro Gótico, no Centro da Ciutat Vella, é um local para quem gosta de história e prefere ficar em uma região mais turística e bem localizada. O local um dia abrigou a cidade romana de Barcino, por isso é cheio de casarões e palácios antigos no estilo gótico. Também têm muitos bares e lojas de lembrancinha.  No entanto, a vida noturna é mais parada.

Para quem prefere ficar próximo das praias, o La Barceloneta é uma ótima opção. A região conta com uma boa infraestrutura para o turista, reunindo boas opções de hotéis, restaurantes e bares, além de uma vida noturna bem agitada.

Qual a melhor forma de se locomover em Barcelona

Em Barcelona o transporte público, além de eficiente, é integrado. Um único bilhete serve para o metrô, ônibus, bonde (Tram) e funicular, e a viagem custa €2,15. Além disso, você ainda pode adquirir, pela internet ou nos pontos de informação turística, o Cartão Hola BCN de dois, três, quatro e cinco dias e usá-lo de forma ilimitada.

Pedir um táxi pode ser uma opção confortável, contudo mais cara e nem sempre tão rápida como se imagina. Eles podem ser solicitados na rua ou por telefone. Outra opção são os aplicativos para chamar o transporte, como o Free Now. O Uber não opera em Barcelona.

Alugar carro não é uma boa opção se você não irá visitar outras cidades da região da Catalunha, isso porque o trânsito costuma ser muito pesado os horários de pico, além de ser caro e difícil de encontrar estacionamentos.

O uso de bicicletas em Barcelona tem crescido bastante nos últimos anos, tanto que a prefeitura é responsável pelo Bicing, um serviço de locação para os residentes. Já os turistas podem usar e desbloquear as bicicletas por aplicativos como o Scoot e o Donkey Republic, além do Reby, que é de aluguel de patinete.

o que fazer em Barcelona - Fonte Mágica de Montjuic

Eaí, gostou?

Barcelona é uma cidade fantástica e espero ter te ajudado a elaborar seu roteiro de viagem, outras atrações que não escrevi aqui mas talvez você possa gostar:

View this post on Instagram

ROTEIRO DE 3 DIAS EM BARCELONA ✈ ⠀ Dizer que sou encantada por Barcelona é pouco, essa cidade é incrível! Um mix perfeito de muita arte, história, boa gastronomia, arquitetura marcante e praias. ⠀ Fique quanto tempo puder, o que não falta em Barcelona são boas atrações e cantinhos para conhecer e amar. Mas, para facilitar a sua programação eu montei um roteiro de 3 dias pela capital da Catalunha. ⠀ ⠀ Espero que goste 😉 Não esquece de salvar para quando precisar! ⠀ ⠀ ⠀ DIA 1: -Park Guell -Passeig Gràcia -La Pedrera -Casa Batlò -Arc de Triomf -Parc Ciutadela ⠀ Dica: chegue cedo ao Parque Guell para desfrutar melhor do espaço, lota rapidinho. ⠀ ⠀ DIA 2: -Sagrada Familia -Palau de La Música -Catedral de Barcelona -Placeta del Pi -Plaça Catalunya -La Rambla: La boqueria, Plaça Reial -Palau Guell -Estatua de Colón ⠀ Dica: A estátua do Colón está no alto de uma coluna de ferro de 60m. No interior tem um elevador que te leva até um terraço com visão 360 graus para toda a cidade. ⠀ ⠀ DIA 3: Praia Barceloneta Museu Picasso de Barcelona Basílica de Santa Maria del Mar Carrer de Blai ( ótima opção para petiscar) Plaza Espanya Montjuic ( Museu Nacional d’Art de Catalunya) ⠀ Dica: em frente ao museu de Arte de Catalunha está a Font Mágica de Montjuic que oferece espetáculos de luz e música. Consulte o site de turismo da cidade com os horário atualizados conforme período da sua viagem. ⠀ ⠀ ⠀ ❗️Confira mais dicas de Barcelona em https://amsterdampravoce.blog/o-que-fazer-em-barcelona/ 👉🏼Veja outros roteiros que fiz por aí clicando em #raphypelomundo⠀ ⠀ ⠀ #barcelona #euamoviajar #dicasdeviagem #roteirosdeviagem #roteirobarcelona

A post shared by ʀᴀᴘʜʏ | GUIA EM AMSTERDAM🇧🇷 (@amsterdam_pravoce) on

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *